O poder das fibras: elas potencializam o emagrecimento saudável!

Já ouviu falar no poder das fibras? Além de melhorarem o funcionamento do organismo, elas auxiliam na perda de peso!

Leia também: Dietas de emergência

Por Juliana Borges – 31/07/2018Foto: Shutterstock.com
Elas passam no organismo praticamente sem serem absorvidas. Então, por que essa substância é tão indispensável para a saúde e garante resultados positivos na balança? Explicamos todo o poder das fibras abaixo para você incluí-las agora mesmo no cardápio diário!

O poder das fibras:
Controla o diabetes
As fibras retardam a velocidade da digestão de carboidratos, tornando a absorção da glicose mais lenta pelo sangue e, com isso, reduz os picos de insulina. Ao entrar em contato com a água, as fibras também formam uma proteção em torno da comida e dificultam a absorção do açúcar, descartando-o no processo de digestão.

Leia também: comprar Kifina

Leia também: Phytophen é bom

Regula o intestino
Tanto as fibras solúveis quanto as insolúveis possuem importante papel na atividade intestinal. A primeira capta água e provoca reações de fermentação, estimulando o crescimento de bactérias benéficas, que melhoram o funcionamento do órgão, garantindo a frequência de evacuações. A segunda se liga à água e aumenta o bolo fecal, facilitando a sua eliminação e, consequentemente, previne a constipação.

Aumenta a saciedade
Em contato com a água do estômago, as fibras solúveis se transformam em um gel, ajudando quem quer emagrecer por garantir saciedade e, claro, evitando os exageros durante a refeição. Elas também tornam a digestão mais lenta, mantendo a fome controlada por mais tempo.

Aumenta a imunidade
É o intestino responsável por produzir anticorpos, que protegem o corpo de infecções. As fibras alimentam as bactérias benéficas que vivem neste órgão, equilibrando a flora intestinal e, consequentemente, aumentando as defesas do organismo.

Diminui o colesterol
As fibras solúveis formam uma espécie de gel que captura parte da gordura dos alimentos e altera a absorção do mau colesterol (LDL). Além disso, a fermentação das fibras no intestino produz componentes como ácidos graxos de cadeia curta (AGCC), que reduzem a síntese de colesterol no fígado. Já as fibras insolúveis se ligam a sais biliares e também contribuem para a redução da absorção de parte de gorduras e do colesterol.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *